Personare Ads

23 de julho de 2015

Projetinho de 5 minutos - Como decorar cadernos: contact, adesivos e washi tapes



Okay, eu sei que caderno não é casa. Mas a verdade é que depois que eu fui morar sozinha e comecei a colocar a mão na massa para decorar, a minha percepção das coisas mudou. Meu conceito de beleza também mudou. Até para as coisas mais banais e cotidianas. Passei a valorizar mais itens únicos, com mais personalidade e feitos por mim.
Pode não parecer, mas a gente exercita muito a criatividade decorando a própria casa. Ao colocar a cachola para funcionar e percebermos o que gostamos ou não para nosso lar, acabamos por nos conhecermos melhor. E muitas vezes, isso faz com que a gente mude. 
Eu nunca gostei de ter qualquer caderno. Sempre gostei dos decorados. Na adolescência, e até mesmo no período da faculdade, gostava daqueles decorados. Mas não aqueles comprados de artesãos ou profissionais de scrap. Gostava daqueles de marcas famosas que tinham capa com personagens que me agradavam: ursinho Pooh, Scooby-Doo, fadinhas, Piu-piu e Frajola, essas coisas. 

De uns tempos pra cá, eu comecei a me questionar: porque eu mesma não decoro meus cadernos? O que não falta aqui em casa é material. Esses de personagens famosos, além de serem mais caros, já não me satisfaziam mais. Já que eu uso vários cadernos ao mesmo tempo, seria bom estar feliz com todos eles, não é mesmo? Decorei o primeiro. Adorei a brincadeira, e parti para os demais.

Em todos eles, eu usei apenas contact, washi tapes e adesivos. Só. Todos decorados da forma mais simples possível, sem segredos. 




Detalhe para as costas do ursinho na contracapa! AMO isso, gente!


Esse abaixo, de nuvenzinhas, eu separei para estudar o conteúdo gratuito da Espaçonave. Para quem não sabe, a Espaçonave, comandada pela Rafa Cappai, produz conteúdo voltado para empreendimentos criativos. Tem um curso, o Decola!LAB, que eu queria muito ter feito, mas esse ano era impossível para mim. Além de eu estar viajando na época que abriu a turma, eu tô quase pirando com as coisas que envolvem o curso de design de interiores. Pegar mais uma obrigação seria o mesmo que querer pular da janela. Por isso, preferi deixar o Decola para ano que vem, e enquanto isso, ir estudando o conteúdo que a Rafa disponibiliza gratuitamente, tanto no site, como no Youtube, porque aí, eu poderia estudar no meu ritmo, quando eu conseguisse uma folga no design de interiores. 
Peguei um caderno da época que eu fazia cursos de fotografia e reaproveitei. Como eu não queria jogar o conteúdo antigo fora, a solução foi marcar onde começa os estudos da Espaçonave com um clips fofo - de coração, claro - porque como vocês já devem saber, amo coração! =)




Imagino que ao olhar para a imagem abaixo, vocês devem ter pensado: "Mas porque raios essa menina colocou um K no caderno dela?"
É que esse não foi feito para mim. Na época da viagem, eu fiz um para a Carla e um para a Erica, como uma das formas de agradecimento pela hospedagem em terras européias. Mas aí, depois me dei conta de que a Karen acabou sendo a única das idealizadoras da Revista Oca Pop que ficou sem caderno. Sacanagem, né, gente? Ainda mais que a Karen é um amor de pessoa! Então fiz esse para ela. 

Mas o que é a Revista Oca Pop? Quem me acompanha nas redes sociais já deve ter visto, porque eu já anunciei por lá! Você pode ficar um pouco por dentro clicando aqui, aqui e aqui.



Já esse último é o que eu uso para anotar o conteúdo teórico/ conceitual do curso de design de interiores. ;) Era um caderno de campanha, acho que deu pra disfarçar, né? rs.



*Os contact são obviamente sobras de projetos feitos para minha casa. As washi tapes, algumas foram compradas na Caçula e na Casa Cruz, ambas no centro do Rio, e outras na Tiger de Barcelona. Os adesivos, alguns são da Papelaria Jardim Largo do Machado, no Rio, e outros foram comprados na Lojinha da ScrapBi, que é na verdade um grupo no facebook. Essa lojinha é um amor, vale a pena dar uma espiada por lá!

PÓS DATA:  Depois que esse post foi lançado, a Carla me mandou a foto do caderno que eu fiz para ela usar enquanto trabalha na revista Oca Pop. Ei-la aqui:



E você, usa caderno? Costuma decorar os seus? E ao decorar sua casa, também sentiu alguma mudança na sua percepção das coisas?



21 de julho de 2015

Antes e depois: 6 dicas simples e baratas para renovar quarto de hóspedes



Já faz algum tempo que não trago para cá dicas tiradas a partir de um antes e depois, né? Mas cá estou eu com um ambiente que acredito nunca ter abordado aqui: quarto de hóspedes. Essas imagens de antes e depois são do blog A Beautiful Mess, divulgadas na época que a Emma, uma das autoras, renovou o quarto de hóspedes da sua casa.
Apesar de estarem mais voltadas para um quarto de hóspedes, essas dicas também podem servir para nossos quartos, certo?


1) TINTA FAZ MILAGRES

Sim, eu sei que já disse isso milhões de vezes. Perdón, continuarei batendo nessa tecla, porque é verdade! Sério gente, pelo amor, percam o medo da tinta! Observem essas duas imagens: faz uma senhora diferença, não faz?

2) CABIDE + REVISTAS NA PAREDE

É uma forma simples, útil e barata de preencher a parede. Talvez algumas pessoas prefiram um quarto de hóspedes um pouco mais impessoal, por não ter um morador fixo, o que talvez dificulte na hora de escolher quadros e outros enfeites. 
O bacana da ideia, é que você pode comprar revistas de estilos diferentes que possam agradar a diversos hóspedes, e assim, dar a eles uma possível distração, depois que eles te dão boa noite. 
A melhor parte é que existem cabides a preços tão acessíveis nas lojas de material de construção e nas lojinhas de 1,99 da esquina.

3) INVISTA NUMA CABECEIRA

Já que quartos de hóspedes costumam ter poucos elementos, que tal uma cabeceira para destacar o ambiente? Não precisa ser nada muito complexo... paletes ou uma tábua de compensado podem dar conta do recado. Se quiser algo mais elaborado ou com um ar mais sofisticado, o que não falta na internet são tutoriais de cabeceiras, inclusive acolchoadas.

4) APOSTE NUM ELEMENTO DIFERENTE

Alguém aqui reparou o enfeite com galhos na quina da parede? Você já viu isso por aí? Mesmo que já tenha visto, podemos concordar que não é algo que vemos a todo instante, certo? Ou seja, é um elemento diferente, que chama a atenção, que desperta curiosidade. 
Convenhamos que isso não teria o mesmo peso se estivesse no seu quarto, meio escondido do "público". Eu particularmente acho bacana brincar com o olhar do hóspede, deixá-lo intrigado, curioso. 

5) TAPETES PODEM SER BEM VINDOS

Eu inseri o "podem" no subtítulo, porque em se tratando de tapetes, sempre há um porém. Tapetes podem aquecer ou dar uma levantada na decor do ambiente, mas alguns modelos podem não ser indicados a alérgicos. Mesmo que você não seja, é bom lembrar que não é você que dormirá num quarto de hóspedes, e devemos sempre considerar a possibilidade da sua visita ser. Então, caso opte por ter um, escolha opções menos felpudas e mais fáceis de limpar.
Caso você queira colocar um tapete, mas não achou nenhum a preço acessível, que tal fazer um usando jogos americanos? Fica a dica! ;)

6) OLHE COM CARINHO PARA O TETO

Não, não estou falando que você tem que tirar o ventilador de teto. Longe de mim dar essa sugestão. Funcionalidade tem que vir antes da estética, sempre. Afinal, de que adianta termos um ambiente bonito, mas desconfortável? Cada um sabe as necessidades e/ou possibilidades de suas casas.
Se você gostar/ puder ter um ar condicionado e quiser trocar o ventilador por uma plafon, ótimo. Mas caso não possa, ou não goste (eu conheço gente que não curte ar condicionado), não precisa sofrer com o ventilador de teto. Você pode trocá-lo por um modelo que te agrade (sem descuidar da eficiência, claro), ou então, customizar aquele que você já tem.
Uma observação: o fato de você ter ar condicionado não significa necessidade e/ou possibilidade de excluir o ventilador de teto. Eu por exemplo, tenho os dois. E uso muito mais o ventilador. Ligo o ar condicionado no verão, por umas 2 horas, depois desligo, e ligo o ventilador para sentir o vento frio, sabe? Fico confortável, e economizo bastante na conta de luz.
A questão é só você se lembrar que o teto existe, e fazer as pazes com ele, independente de que caminho você prefera seguir.


E você, tem quarto de hóspedes ou as suas visitas costumam dormir na sala, como as minhas? Segue alguma dessas dicas? Conta pra mim!


*Fotos e post original: A Beautiful Mess. Eu, se fosse vocês, iria lá conferir o post de origem. Além da história que a Emma conta, tem muito mais fotos, todas mega inspiradoras!

17 de julho de 2015

Dicas rápidas: o que comprar ou não comprar para casa? Eis a questão!


Yaaaaay, finalmente o segundo vídeo de dicas rápidas já está no ar! =) As coisas podem até serem meio demoradas no Youtube, mas quando a gente faz um vídeo, a gente faz com todo o amor do mundo, tenham certeza disso!

Como anda sua relação com as coisas que você compra para sua casa? Compra quando necessita/ se apaixona? Ou compra por impulso?

Aperta o play, e vamos debater sobre isso!


 


E então, que me diz? É que nem o personagem da história ou já tem alguma familiaridade com o consumo consciente? 

*A ideia dessa série de "Dicas Rápidas" é da Sheylla Gonçaves, e você pode conferir o trabalho dela tanto no DIY by Sheylla Gonçalves, no Youtube quanto no @15sideas, no Instagram.

15 de julho de 2015

5 Dicas de como usar nichos decorativos




Versatilidade. Creio que essa seja a palavra que melhor define os nichos, que podem assumir função utilitária, decorativa, ou ainda, as duas coisas juntas.


As primeiras vezes que eu tenho lembrança de ter visto nichos foi como um substituto de prateleiras com bichos de pelúcia em quartos de bebês. Talvez por isso, eu acredite que pendurá-los na parede somente para fins decorativos seja a forma mais óbvia de usá-los.

Mas não precisamos ficar sempre no óbvio, não é mesmo? Desviar a função, sair do lugar comum é uma coisa que eu prezo – acho que algumas coisas na minha casa são a prova disso. Então, porque não usar nichos no lugar de certos móveis, por exemplo?

Separei 5 exemplos de formas que podemos usar nichos. Espia só: 

1) NICHOS NO LUGAR DO CRIADO MUDO

Imagem: via

Imagem: via


2) COMO FORMA DE EXIBIR OBJETOS DECORATIVOS

Imagem: via

Imagem: via


3) PARA ARMAZENAR ITENS DE BANHEIRO

Imagem: via

Imagem: via

4) COMO SUPORTE DE PLANTAS

Imagem: via



5)  COMO ORGANIZADOR DE HOME OFFICE/ ATELIÊ




Além desse organizador da foto acima na minha escrivaninha, eu tenho dois nichos em casa. Um na sala e um na varanda. E você, têm algum? Qual a sua forma preferida de usá-los? Conta pra gente! 


 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...